m

Acompanhe as redes sociais da Ducaule.

d

Acompanhe as Redes Sociais

  /  Churrasco   /  As 10 melhores carnes para churrasco
As 10 melhores carnes para churrasco

As 10 melhores carnes para churrasco – O churrasco é um dos pratos preferidos do brasileiro. Muito mais do que um prato culinário, o churrasco dos finais de semana se tornou um verdadeiro evento em várias regiões do país, reunindo família e amigos para um encontro saudável e divertido.

Para melhorar ainda mais o churrasco, nada melhor do que uma refeição de qualidade. Além do preparo em si, é necessário saber qual corte escolher para colocar na grelha. Por esse motivo, nesse artigo iremos falar sobre as 10 melhores carnes para churrasco!

As 10 melhores carnes para churrasco

– Picanha:

Sem nenhuma dúvida, a picanha é o corte mais famoso no churrasco brasileiro. Proveniente do boi, essa carne é perfeita para o churrasco, tendo em vista que possui ao quantidade de gordura entremeada, que confere mais sabor e suculência para o prato.

Existem várias formas diferentes de preparar uma picanha. O tempero, por exemplo, pode tanto ser feito apenas com sal grosso como com condimentos diversos. No preparo em si, o caminho mais indicado é selar a picanha na brasa e depois subir a grelha, mas esse não é um caminho único.

Em relação ao tempo de preparo, a picanha fica mais suculenta e saborosa quando é servida ao ponto. O corte bem passado perde o suco da carne, que é o que confere grande parte do sabor.

– Costela:

Mais famoso na região Sul do país, mas também apreciada em todo o resto do país, a costela é considerada um dos melhores cortes para churrasco. Seja de boi ou porco, as fibras grossas e compridas dessa carne conferem uma suculência e um sabor único.

O seu preparo é um pouco mais complicado, e pode exigir a ajuda de alguém mais experiente. O tempero geralmente é mais bem elabora, e é constantemente servido como molho barbecue.

– Maminha:

Se você é daquelas pessoas que não gosta – ou não pode – consumir muita gordura, a maminha pode ser a melhor alternativa. Isso se deve ao fato de que esse corte pode ser considerado um corte magro, com pouca gordura.

O sabor e a suculência da maminha, no entanto, podem deixar a desejar para os amantes da picanha. Esse corte é, em sua maioria, mais seco e mais rígido. Apesar disso, o sabor pode agradar muitas pessoas.

– Filé mignon:

O filé mignon não é ideal para se preparar na grelha, simplesmente pelo fato de que é um corte mais nobre. No entanto, o sabor e a suculência dessa carne são únicos. A gordura entremeada e o leve sabor adocicado são características marcantes do filé mignon.

– Cupim:

Com um preparo bastante lento, que pode demorar horas, o cupim é um clássico do nosso churrasco. Possui um forte sabor característico, e geralmente é preparada envolta em papel alumínio, a fim de espalhar melhor o calor em toda a peça.

– Miolo da Alcatra:

O miolo da alcatra pode ser preparada em poucos minutos, e possui uma suculência bastante adorada por quem gosta de churrasco. É uma carne magra, ideal para quem não gosta muito de gordura.

– Contrafilé:

Se você é fã de uma carne mal passada, o contra filé pode ser o corte ideal para você. Isso se deve ao fato de que esse corte é suculento e macio, oferecendo um sabor agradável mesmo se assado por poucos minutos.

– Alcatra:

Se você quer sentir um sabor e suculência parecidos com o da picanha, mas não quer gastar muito, a alcatra pode ser uma alternativa bem mais barata.

– Fraldinha:

É um corte extraído da ponta da costela. Deve ser preparado com cuidado, tendo em vista que pode passar do ponto em poucos minutos. É suculento e possui um sabor característico.

– Chuleta:

Não é muito conhecida pelo grande público, mas é um dos cortes mais agradáveis quando o assunto é churrasco. Possui boa quantidade de gordura entremeada, o que oferece sabor e suculência para o corte.

DEIXE UM COMENTÁRIO